quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

O ENCONTRO COM DEUS

"O homem faz parte do corpo de Deus"


Por: Claudia Souza


Os seres humanos passam a vida às vezes até existências inteiras buscando saber quem é Deus ou como seria a sua aparência, a maneira de pensar ou o verdadeiro motivo pelo qual devem respeitar ou acreditar que ele existe.

Muitos o enxergam como um pai criador e provedor de todas as riquezas materiais das quais necessitam.

A humanidade ainda é muito jovem para compreender quais são as verdadeiras intenções da existência universal ou os princípios da formação de tudo o que existe no cosmos, desde os primeiros grãos de poeira que geraram as estrelas, o que flutua no espaço e os processos bioquímicos que resultaram nos seres vivos.

A conclusão do sentido da vida, nem mesmo Deus é capaz de obter, pois tudo o que foi criado desde o princípio, sofre constante modificação através dos tempos. Tudo depende de uma reação resultada das vibrações emanadas por cada criatura que pensa ou sente.

Deus assiste pacientemente o desenvolvimento dos mais diversos seres criados não só na Terra, como nos outros planetas espalhados pelas galáxias. Ele deve se divertir um bocado com o movimento entre ações e reações energéticas que nós criamos e que formam "bolhas" ou "campos" de conhecimento integrado.

Tudo o que vivenciamos, nossas alegrias, sofrimentos e sentimentos expressados em diversos tons de energia, se magnetizam e formam esses campos, que determinam o caminho que o planeta Terra segue universo à fora.

Com as manifestações energéticas criadas em outros planetas em que existe formas de vida inteligentes ocorre o mesmo.  Enfim, o que chamamos de Deus é a ação de cada indivíduo existente em tudo o que foi criado e tem vida e a percepção de tempos em tempos, ou seja, o acúmulo dessas energias. Por isso, estranhamos quando Deus parece "ficar quieto" diante de inúmeras injustiças.

"ENQUANTO NÃO APRENDERMOS A NOS COLOCARMOS NO LUGAR DOS OUTROS COM EMPATIA, COMO PODEMOS QUERER DE DEUS SE COLOQUE EM NOSSO LUGAR IMPEDINDO QUE AS INJUSTIÇAS CRIADAS POR NÓS MESMOS OCORRAM?"

Os animais que muitas vezes consideramos 'irracionais', sabem instintivamente como manifestar as energias construtivas. É muito comum nos dias atuais, nos depararmos com vídeos na internet que mostram lições de solidariedade entre animais de espécies diferentes colaborando para cuidar da prole uns dos outros. 

As plantas também manifestam seus exemplos num comportamento natural, quando não manipuladas através das mãos humanas, fornecendo seus caules e sombra para outros hospedeiros. A natureza por sí só demonstra uma auto capacidade de colaboração e organização para que continuem existindo, se expandindo e evoluindo como espécie. 

Deus se manifesta no mundo material e no universo espiritual para aqueles que conseguem acessar o sistema cósmico de cocriação em sintonia com os objetivos dele como consciência, de todas as formas de vida vegetais, carnais, etéreas ou espirituais, onde o tudo é o todo. 

Os humanos precisam aprender a aprimorar os dons de conexão consigo próprios em comunhão com os demais, tentando sintonizar com os pensamentos cada vez mais positivos e evoluídos dentro dos conceitos de amor e respeito ao próximo como por eles próprios. Quando conseguirem entender que fazem parte do todo em proporção igual aos demais, passarão a integrar uma só consciência e finalmente perceberão que são uma célula sadia e benéfica dentro do corpo de Deus. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário